Arquivo da Categoria ‘1’

13
ago
qua

Seu cão é do estilo mais hiperativo? Tem energia de sobra para gastar? Isso te faz leva-lo para passear frequentemente? Pois é, os cães, assim como os seres humanos, precisam praticar atividades físicas para melhorar sua saúde, seu condicionamento físico e ter uma melhor qualidade de vida.

No entanto, é necessário tomar alguns cuidados antes de sair com ele para praticar corrida ou algum exercício na rua. Veja abaixo algumas dicas:

– É importante reconhecer qual tipo de atividade física seu cão mais gosta de fazer e em qual local ele se sente mais a vontade para se exercitar.

– Consulte um médico veterinário para verificar se o seu pet não possui nenhum problema cardíaco ou ortopédico que o impeça de correr com você.

– Outro ponto importante para uma consulta ao veterinário é que determinadas raças são mais fortes e resistentes que outras, por isso fique sabendo antecipadamente das dificuldades que seu cão pode ter.

– Alimente-o bem antes de sair de casa.

– Comece com práticas leves e aumente a intensidade após 10 minutos.

– O tempo de caminhada ou corrida varia de acordo com as limitações do animal. No geral, a recomendação é que não se ultrapasse 30 minutos de exercícios físicos diários.

– Evite terrenos que possam vir a machucar as patas do seu cão, como pedras, por exemplo. Dê preferência para superfícies planas, gramados e areia.

– Caso opte por usar coleiras, preste atenção se ela não fica presa demais a ponto de prejudicar a respiração do animal.

– Seu cão irá sentir sede após alguns minutos se exercitando, portanto ande sempre com um potinho para depositar água para ele.

– Ao passear em parques, por exemplo, fique atento(a) a higiene do local. Leve consigo saquinhos para coletar as fezes do seu pet.

– Evite horários muito quentes. Saia com ele antes das 10h ou após as 16h.

cachorros correndo (3)

13
mar
qua

Comida de gente não de pet

Por Petjama Recco

Se você tem mania de dar comida de gente para seu pet, pode parar agora. Alguns alimentos fazem muito mal para os pequenos, mesmo os vegetais.

A batata, cebola e espinafre não podem entrar no cardápio do pet de jeito nenhum. É a nossa deliciosa batata contém a toxina solamina que crua pode afetar o sistema nervoso do animal. A cebola pode causar anemias graves, enquanto o espinafre devido ao alto nível de oxalato pode predispor o Pat a formar cálculos nos rins.

comida

05
fev
ter

Pit bull o cão babá

Por Petjama Recco

Embora tenham famas de mals, os Pits Bulls durante muito tempo eram chamados de cães babás, devido ao jeito que tratam as crianças. Mas devido ao mau treinamento feito por alguns donos da raça, esses cachorros passaram a agir mais agressivamente.

Eles inclusive foram escolhidos por uma escolinha em Fresno, nos EUA, usou os pits para auxiliar no tratamento de crianças que sofreram traumas.

E embora se pense o contrario o Pit Bull é o segundo cachorro mais tolerante, perdendo apenas para Golden Retriever.

babypb2_375p