Arquivo da Categoria ‘Nós apoiamos’

29
ago
qua

Bom pra cachorro

Por Petjama Recco

Quem tem pets sabe que uma das obrigações do dono é cuidar dos dejetos do animal em vias públicas. Claro que muita gente ainda não se acostumou a levar os sacos plásticos para passear junto com o cachorro, mas eis que surge uma idéia super legal para solucionar os problemas dos esquecidinhos e de quebra, nos livrar de acidentalmente pisar em uma lembrancinha desagradável.

O  display contém sacos de papel reciclado desenvolvidos especialmente para recolher os dejetos de animais, ele pode ser colocado em clubes, praças e vias públicas, condomínios, pet shops. O legal seria mesmo se as prefeituras abraçassem a causa e disponibilizassem o display nas ruas.

Pet_Stop_003_little

Tags , ,

12
jul
qui

Nada mais comum do que encontrar animais abandonados pelas ruas.  Essa triste realidade só é um pouquinho amenizada porque algumas ONGs entram em ação. São organizações sem fins lucrativos que recolhem animais carentes e oferecem abrigo e alimento para essas criaturinhas que sofreram com o abandono.

O grande porém é que as Ongs também precisam de ajuda, assim como os animais. O trabalho voluntário é essencial, e quanto mais pessoas envolvidas, melhores os resultados.

Tem gente que ama animais de estimação, mas tem lá os seus motivos para não ter um pet em casa. Se você quer colaborar com o bem estar dos bichinhos de alguma forma, saiba que é muito simples. Você pode se solidarizar com as ONGs, entidades que necessitam de doações e de gente disposta a cooperar com um poquinho do seu tempo.

A ajuda financeira é sempre bem-vinda para abastecer o estoque de alimentos, remédios e produtos para higiene. E o trabalho voluntário também, além de levar alegria e carinho para os cães e gatos abandonados, você pode auxiliar na limpeza dos abrigos, na procura de parceiros, de adoções o ou na organização de eventos beneficentes. Não vão faltar oportunidades para você colaborar. Procure saber sobre as Ongs existentes em sua cidade e preste o seu apoio.

ong

imagem: www.conexaopet.com.br

20
jun
qua

Combatendo maus tratos

Por Petjama Recco

De uns tempos pra cá, o mau trato contra animais de estimação está tomando mais espaço na mídia. Não que isso significa apenas um aumento de casos de agressões, mas também de uma maior conscientização da população sobre os direitos dos animais. Qualquer ato que provoque sofrimento é considerado mau trato, como por exemplo, animais presos em gaiolas pequenas em pet shops, quintais com condições precárias de higiene, falta de água ou comida ou agressões físicas.

A lei federal de crimes ambientais 9605/98 é que protege os animais contra o descaso do ser humano.  Por isso, ao presenciar casos do tipo, não hesite em denunciar. E cuidado com os seus atos que parecem inofensivos mas que podem colocar seu animal de estimação em risco:

– não deixe o animal sozinho dentro do carro;

– use guia para conduzir seu animal em locais públicos;

– quando for preciso acorrentar se animal, permita que ele tenha boas condições de locomoção, inclusive para alcançar água e comida;

– coloque dados de identificação na coleira, como nome, nome do dono e telefone para contato;

– janelas e sacadas devem conter telas para que o animal não sofra acidentes;

E principalmente, lembre-se: assim como maus tratos, abandono também é crime.

cachorro abandonado