30
set
qua

A alegria do seu cão não é uma coisa que você deve ignorar. Os donos de animais têm de parar de pensar que ter um animal de estimação é simples e, precisam perceber que eles necessitam de algumas coisas para serem felizes e aproveitarem a vida.

Entendendo isso, não importa de qual raça seu animalzinho é. Siga estas dicas para fazer com que o seu cão seja saudável e feliz:

1) Seja amoroso com seu bichinho

Isso não parece ser tão difícil, mas no dia-a-dia com uma agenda agitada pode ser deixado para trás. Reserve pelo menos alguns minutos todos os dias para simplesmente dar carinho a seu animal de estimação e mostrar o seu amor. Se você não sabe o quão importante isso é, então talvez os animais não são para você.

filhotes

2) Deixe o seu cachorro livre

Isso é ignorado com muito mais frequência do que se imagina. Os cães são normalmente energéticos, criaturas atléticas e precisam correr e pular. Assim sendo, leve seu cachorro para parques, trilhas, ou para um terreno seguro (cercado ou distantes das ruas) e deixe que ele corra ou ande a vontade.

correndo

3) Água fresca e limpa

Muitas pessoas deixam a água dos cães em pratos por vários e vários dias.
Nessa água acumula-se sujeira e gordura, ela fica parada, e pode se tornar um local visitado por insetos. Troque a água do seu animal todos os dias, e tenha certeza de utilizar água fresca e limpa. Também garanta que a vasilha não fique sem água por longos períodos. Assim como é para os humanos, para os cachorros consumir água suficiente é um dos segredos do funcionamento correto do corpo. Possibilitar ao seu animal de estimação uma água boa e fresca é um passo importante para fazer com que ele seja saudável.

bebendo-agua

4) Dê ao seu cachorro refeições de qualidade

Filhotes precisam de refeição de boa qualidade, escolhas alimentares saudáveis. Outra coisa importante é que o seu cão também precisa gostar dos alimentos que ele ganha.
Experimente comida para cachorro molhada ou seca – aquelas que estão cheias de valor nutritivo e proteínas, e aconselhada por especialistas. Filhotes são carnívoros e precisam de carne de verdade dentro de seu plano de dieta. As pessoas devem saber que não devem alimentar com sobras de comida o seu cão. Mas, por outro lado, todas as sobras de carne são liberadas. Você também pode dar os ossos dos açougueiros (nunca de aves, apenas ossos de animais grandes), que eles adoram. Então, desde que você siga essas dicas corretamente, a dieta do seu animal de estimação vai se tornar mais diversificada e vai fazer  eu cão ser mais saudável e mais feliz.

comendo

Dica: nunca alimente com as suas sobras os animais direto da mesa da cozinha, porque você vai ensiná-lo e ele vai se acostumar a mendigar e pedir cada vez que você comer o jantar.
Faça isso em um horário diferente das suas refeições.

5) Divirta-se com seu cachorro ou lhe ensine algo

Filhotes precisam de estímulos, exercícios e também precisam aprender.

Eles estão propensos a monotonia e exigem alguma atividade para ocuparem o tempo.
Então, independentemente de dentro ou de fora, passe algum tempo sendo enérgico e se divertindo com o seu cachorro. Isso pode ser feito tentando ensinar ele a fazer alguma coisa, como pegar o jornal. Estas são algumas dicas básicas de como você pode melhorar a qualidade de vida de seu amigão. Claro, tem muitas outras coisas que podem ser feitas também.

200269673-001

6) Dê um Petjama pra ele (ou ela)

Ah, essa alegria não tem preço! *-*

8194-8333

18
mar
qua
A nova coleção da Petjama acaba de ser lançada. Entitulada Home Sweet Home, a coleção integra a marca Baunilha Pijamas, que traz estampas que combinam com as camisolas e pijamas para nós e as roupinhas para os nossos dogs. Afinal, nós e eles estamos sempre em sintonia! Para comprar o seu é só ir até uma loja Recco Lingerie. Encontre a mais próxima no site: recco.com.br

8194-83338135-8254--8136-82548130-8254--8131-8254
04
fev
qua

Você sabia que seu cachorro também precisa ter uma rotina? Pois é, animais de estimação necessitam de regras em seu dia a dia para serem mais felizes e estarem sempre satisfeitos com a vida que levam.

Acordar, comer, brincar, fazer as suas necessidades… De modo geral, é preciso ter um horário certo para tudo isso, mas devemos lembrar que não ter uma rotina certinha e regrada também é uma rotina. Algo comum aos animais que participam de exposições ou filmagens de comerciais e novelas, por exemplo.

Independentemente da correria do dia a dia, é preciso estabelecer algumas regras básicas que devem ser cumpridas.

rotina-cachorro

Como criar uma rotina para o seu cão

Por exemplo: é preciso dar comida ao cão pelo menos duas vezes ao dia, bem como levá-lo para fazer suas necessidades, escovar seu pelo e realizar atividades mentais, como jogos e brincadeiras variados.

Acredite: um cão que passa o dia inteiro no sofá e só come e dorme, sem receber outros tipos de estímulo, não há de ser um animal feliz. E, cá entre a gente, nenhum de nós estaria satisfeito se levasse uma vida tão monótona por anos. Obviamente momentos de descanso e calmaria também são bons, mas isso não deve entrar na rotina e sim ser algo esporádico. Se seu cão passa muito tempo apático, ele pode estar deprimido.

Cachorros amam aprender e passar por experiências novas, assim como conhecer novos lugares e outros animais… Sentir cheiros diferentes, pisos diferentes e ver coisas jamais antes vistas não são sensações boas apenas para os seres humanos, mas são fundamentais também para manter nossos cães ativos e com seus instintos aflorados. Além de levar seu cachorro para passeios diferentes e parques que ele nunca tenha ido, experimente fazer outro trajeto quando for passear com ele na rua, em vez de dar sempre a volta no mesmo quarteirão.

Com os cachorros cada vez mais humanizados e fazendo mais parte de nossas famílias, às vezes fica difícil não querer oferecer o maior conforto possível para eles, mas nunca podemos deixar de lembrar que cachorros são cachorros e sempre terão necessidades típicas de cachorros, independentemente de serem ou não considerados como membros da família.

Observe como anda o dia a dia de seu animal e questione se esta rotina que ele está levando nos últimos anos é mesmo a ideal para ele. Em quase todos os casos, é possível melhorar.